Como Incentivar o Gato a Beber mais Água

Para incentivar o gato a beber mais água, existem pequenas mudanças que podemos fazer. Como já foi referido antes, os gatos por natureza não bebem muito, pois os seus ancestrais limitavam-se apenas à água corrente das nascente e rios que por vezes eram escassos. Outra das fontes de humidade dos ancestrais dos gatos domésticos era a água contida na carne da sua presa.

Os felinos selvagens que evitassem as águas paradas, (que na maioria das vezes estavam contaminadas com bactérias), permaneciam saudáveis. Com o passar do tempo, este instinto foi passando de geração em geração como forma de sobrevivência.

Acredita-se que este seja um dos motivos pelo qual, ainda hoje, os gatos domésticos preferem água corrente.


Acho que o meu gato não bebe água suficiente. Porque será? 


Nos dias que correm, a alimentação do gato doméstico, é totalmente diferente dos seus ancestrais.

Uma dieta rica em ração seca e uma taça de água parada, é a combinação perfeita para desidratação crónica dos felinos.

Se os gatos não compensarem a falta de humidade na sua alimentação moderna com a ingestão de líquidos suficientes, mais cedo ou mais tarde, vai-se refletir na sua saúde.

Como o instinto do gato fala mais alto, os felinos mais exigentes no que toca à água, acabam por não beber a quantidade necessária de acordo com a sua alimentação, actividade física e tamanho.

A desidratação em casos extremos pode levar o gato a ter uma urina concentrada que leva à formação de cálculos renais e cristais na urina.

Se acha que o seu gato não bebe agua suficiente, existem formas de o incentivar a beber mais. Na maioria das vezes, bastam pequenas mudanças para fazer a diferença. Vão ver que é muito fácil e os nossos gatos vão adorar.


Como incentivar o gato a beber mais água?


1. Mudar o material da taça da água para incentivar o gato a beber mais.

Na maioria das vezes, as tigelas de plástico são a nossa primeira escolha. Aos nossos olhos, são baratas e resistentes, já o gato partilha de outra opinião.

Como não lhe resta outra opção como fonte de água de fresca, o gato na maioria das vezes bebe, mas vai evitar ao máximo, pois o cheiro do plástico na maioria dos casos, é insuportável para eles. 

O plástico quase sempre têm um cheiro  activo que afasta o gato das taças, mas o problema não está apenas no cheiro mas sim na lista de ingredientes tóxicos usados na produção destes utensílios feitos de plástico.

Embora não tenha encontrado nenhuma evidência científica de que o plástico causa acne nos gatos, existem sim testemunhos que alegam que ao mudarem para taças de porcelana, o acne felino desapareceu.

As desvantagens de usar tigelas de plástico são imensas, se poderem, evitem ao máximo usar este tipo de taças com os nossos amiguinhos.

2. Mudar o formato da taça da água para incentivar o gato a beber mais.

Alguns gatos são mais sensíveis que outros, assim como nós humanos também.

Existem felinos que não gostam que os bigodes toquem nos lados da tigela quando bebem água, outros não parecem incomodados e  acabam for enfiar a cabeça dentro de um copo para tentar beber. 

Os bigodes dos gatos cujo nome técnico é vibrissas, são muito sensíveis nas pontas. Cada bigode  tem um sistema sensorial conhecido por proprioceptor. Quando os proprioceptores tocam um objeto, as vibrações percorrem os bigodes até aos folículos. Por este motivo, quando  os folículos dos bigodes são demasiado estimulados ou danificados acredita-se que cause algum desconforto no felino.

Embora não haja estudos concretos acerca deste tema, algumas fontes de informação alegam que o facto do gato passar o dia a tocar com os bigodes nas taças, possa levar ao síndrome do “bigodes cansados” ou “ fadiga dos bigodes” dos gatos.

Para gatos que demonstrem ser mais sensíveis, podemos optar por uma tigela menos funda e mais larga. Isto vai incentivar o gato a beber mais água. 

3. Mantenha a taça da água longe da ração e da caixa da areia

Não é um mito. Muitos gatos aceitam a taça da água perto da ração ou da caixa da areia, porque não lhes resta outra opção (é contra o instinto natural deles).

E Porquê? Na natureza, se o gato selvagem sentir o cheiro  de um animal morto ou fezes perto da água, o seu instinto natural vai-lhe dizer que a água não é boa para beber (é sinal que pode estar contaminada). O mesmo instinto se aplica à maioria dos gatos domésticos.

Se quiser incentivar o gato a beber mais, mantenha a taça da água longe da areia e da comida

4. Mantenha a taça da água na sombra

Atenção ás taças de vidro no exterior, pois, sob as condições certas, o vidro pode concentrar os raios do sol suficientemente para iniciar um incêndio, como por exemplo num deck de madeira.

Nós não gostamos do sabor da água morna pois não? os gatos muito menos, pois vai contra o seu instinto natural.

A  água morna para os gatos é sinal de uma água estagnada que pode estar contaminada. Temos que prestar atenção à posição da tigela da água, pois durante o dia a posição do sol também muda. 

5. Trocar a água várias vezes ao  dia e desinfectar a taça pelo menos uma vez por semana.

Água fresca é sinal de água não contaminada, o que vai incentivar o gato a beber mais.

Não podemos esquecer também de desinfectar a taça da água uma vez por semana para evitar que possíveis bactérias se multipliquem.

6. Colocar a água nos locais que o gato gosta

Os gatos também têm preguiça e evitam deslocar-se se souberem que a água está longe. Para incentivar o gato a beber, o ideal é ter várias taças de água espalhadas pela casa

7. Usar água filtrada

Usar água filtrada em vez de água da torneira.

A água da torneira, pode conter cloro, flúor e amoníaco  ou uma concentração muito alta de minerais que pode ser nocivo para a saúde deles. Os gatos são animais muitos sensíveis, se a água não lhes cheira bem, vão evitar beber. Quer incentivar o gato a beber mais? Ofereça-lhe água filtrada.

8. Usar cubos de gelo no verão para incentivar o gato a beber

Todos os meus gatos adoram, se ainda não experimentaram, vão ver a reação positiva dos felinos. 

9. Fonte própria para gatos


As fontes de água próprias para gatos,  oxigenaram a água e imitam o que os ancestrais do gato doméstico encontravam na natureza.

A água corrente é sinal de água fresca livre de bactérias. Se optar por comprar uma fonte própria para gatos, compre uma que não seja de plástico.

Pode ver aqui a fonte automática para gatos que recomendo.

  1. Página Principal
  2.  ›
  3. Porquê que o Gato não Bebe Água
  4. Como INCENTIVAR o Gato a Beber mais Água

New! Comments

Quer deixar um comentário? Pode faze-lo aqui.

Referências:
    www.petmd.com/blogs/
    www.catbehaviorassociates.com

    https://www.mnn.com/family/pets/stories/why-are-cats-so-quirky-about-drinking

    https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK453251/

    http://ec.europa.eu/environment/aarhus/pdf/35/Annex_11_report_from_Lowell_Center.pdf

    https://phys.org/news/2018-09-life-threatening-bacteria-pets-bowls-experts.html

    https://www.realnatural.org/is-smelly-china-plastic-toxic/

    https://www.ecocenter.org/healthy-stuff/pvc

    https://blog.petmeds.com/1800petmeds/what-is-the-best-material-for-pet-food-bowls/

    https://www.sciencefocus.com/planet-earth/can-sunlight-through-glass-objects-really-cause-house-fires/


    Aviso Legal:  A informação disponibilizada nesta página www.bem-estar-do-gato.com deve ser apenas utilizada para fins informativos, não podendo, jamais, ser usada como substituição ou diagnóstico veterinário. O autor deste site descarta qualquer responsabilidade legal advinda da má utilização das informações aqui publicadas.